Nova alta do dólar faz a moeda brasileira desabar

Nesta quarta-feira, 24, o dólar americano registrou nova alta, ficando acima dos R$5,60 o que acumula 2,20% de aumento. 

Este resultado se deve a uma piora da percepção do mercado, considerando que o país representa o pior risco para quem deseja investir, além de  um aumento na inflação. 

Esse panorama também reflete a política sobre o combate à pandemia, após em um único dia ter registrado a maior alta em um ano de mais de três mil mortes diárias. 

A moeda norte-americana fechou esta quarta cotado a 5,6380 reais na venda. A alta de 2,20% é a mais forte desde 18 de setembro de 2020 (+2,77%). E como efeito, o dólar zerou as perdas acumuladas desde a semana passada, quando o Banco Central surpreendeu ao elevar os juros em ritmo mais forte que o imaginado.

A queda dos investidores no país e o aumento do dólar também repercutiu no valor da moeda brasileira, registrando o pior desempenho no mundo nesta quarta.

OI