Secretários do Estado apontam prioridades para 2020

Na sessão de instalação do período legislativo de 2020, realizada nesta segunda-feira (03/02), pelo presidente da Casa, deputado José Sarto (PDT), no Plenário 13 de Maio, e na presença do governador Camilo Santana e da vice Izolda Cela, secretários de Estado apontaram prioridades que devem nortear as atividades de suas respectivas pastas no ano.

O titular de Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), Inácio Arruda, informou que um dos focos este ano será o processo de “transformação digital” de todos os processos, trâmites e burocracias do Estado. Segundo ele, a iniciativa faz parte de um esforço do governador Camilo Santana de colocar o Ceará em um “novo patamar tecnológico”.

“O avanço tecnológico já causa impactos visíveis em nosso dia a dia, e o setor público não pode ficar atrasado. Estamos reunindo cientistas especialistas nas áreas de todas as secretarias para debater como realizar esse processo de modernização, e os impactos, principalmente econômicos, já podem ser sentidos”, disse.

Inácio lembra “o grande trabalho que o Governo já realiza na gestão das três universidades estaduais, além de duas “faculdades tecnológicas”, localizadas e Quixeramobim e Juazeiro do Norte, e o projeto Educação a Distância, também ligado à Secitece.

Rogério Pinheiro, secretário de Esporte e Juventude do Estado, destacou a continuação da agenda de entrega de areninhas nos municípios do interior do Estado. De acordo com ele, a ideia é contemplar o máximo de municípios possíveis em 2020. Ele adiantou também que será realizada a Copa Estadual das Areninhas, com o objetivo de revelar novos talentos e talvez ligá-los aos principais clubes do Ceará.

O secretário comentou ainda a modernização na Arena Castelão. Segundo ele, o gramado já foi renovado, sendo o “mais novo de todas as arenas do País”, e há a possibilidade de haver retirada de cadeiras de alguns setores da arena, visando uma maior comodidade para as torcidas organizadas.

Já a secretária de Proteção Social, Justiça, Mulheres, e Direitos Humanos, Socorro França, afirmou que 2020 será de “intensa atividade”. “Trabalhamos com 14 frentes e temos projetos para todas, o que consiste, essencialmente, na garantia de direitos fundamentais e fortalecimento dos órgãos de proteção às pessoas”, disse.

Ela destacou que está na pauta deste ano a implantação de mais três Casas da Mulher Brasileira, em Quixadá, Juazeiro do Norte e um terceiro município no norte do Estado, em processo de licitação. Além disso, ela destaca a criação de mais quatro Vapt Vupt e de novos Núcleos de Mediação Comunitária.

Sobre a pasta de Cultura, o secretário Fabiano Piúba informou que haverá continuidade na programação já estabelecida no plano sancionado pelo Governo Estadual em 2016. Ele lembra que esse plano estabelece uma agenda de uma política de Estado, e não apenas de Governo, que deverá ser concluída em 2022.

Para 2020, destaca a obra do Complexo Cultural Estação das Artes, realizada a partir da restauração e revitalização da antiga Estação Ferroviária João Felipe. No local, funcionará o Mercado das Artes, o Mercado Gastronômico, a Pinacoteca do Estado, a sede do Instituto Nacional do Patrimônio Histórico e Artístico (Iphan), uma biblioteca e um museu.

Piúba ressaltou também a reforma da Casa de Antônio Conselheiro, em Quixeramobim, além da ampliação de sanções para fomento das artes no Estado, com o lançamento de editais de incentivo às artes e a implantação da empresa Ceará Filmes.

A Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA) deve atuar, principalmente, no desenvolvimento da pecuária e da agricultura. Conforme o titular da pasta, Francisco de Assis, as prioridades estão entre os projetos Paulo Freire, que abrange 31 municípios cearenses, visando elevar o padrão dos agricultores familiares em condições de extrema pobreza, e o Projeto São José 4, que, segundo ele, deverá ser lançado a qualquer  momento.

Ele também comemorou o repovoamento de alevinos nos açudes. Em janeiro deste ano, o Estado entrou com aporte de 5,5 milhões de alevinos, distribuídos em cerca de mil açudes públicos, atendendo mais de 60 mil famílias. A iniciativa faz parte do Projeto de Peixamento dos Reservatórios Públicos, coordenado pela SDA, e a expectativa é concluir os 35,3% restantes do projeto, lançado em outubro de 2019, até março deste ano.
PE/AT

No Responses

  1. Pingback: https://renova.bielsko.pl/ 18/02/2020
  2. Pingback: https://forumbusiness.pl/ 06/03/2020
  3. Pingback: asigo system review 23/07/2020
  4. Pingback: satta king 23/08/2020
  5. Pingback: danh lo de 30/08/2020
  6. Pingback: 63.250.38.81/ 02/09/2020
  7. Pingback: Sex 29/10/2020
Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by