Presidente Evandro Leitão anuncia criação de Núcleo de Saúde Mental na AL

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Evandro Leitão (PDT), anunciou, em entrevista ao programa Questão de Ordem, da TV Assembleia (canal 31.1), exibido nesta quarta-feira (03/02), a implantação de um Núcleo de Saúde Mental e do serviço de telemedicina na AL. Ambos os projetos estão sendo desenvolvidos em parceria com o Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) da Casa e devem ser implantados ainda no primeiro semestre de 2021.

Evandro Leitão explicou que o Núcleo de Saúde Mental está entre os projetos que serão implantados pelo Departamento de Saúde e Assistência Social da Casa. Segundo ele, o núcleo será composto por uma equipe multidisciplinar e contará com um “Disque Saúde Mental”, serviço que oferece aconselhamento gratuito em saúde mental.

“Muitas vezes, falta uma palavra amiga para que as pessoas possam desabafar e conversar, evitando diversos transtornos. Até um tempo atrás, as orientações eram não tocar nesse assunto (depressão e suicídio), pois se acreditava que poderia ficar na cabeça da pessoa. As orientações hoje são totalmente contrárias: a gente tem que conversar e dialogar pra saber o problema das pessoas”, enfatizou.

Evandro Leitão também comunicou a implantação de um serviço de telemedicina, tecnologia que se mostrou necessária no contexto do isolamento social rígido ocasionado pela pandemia da Covid-19. O objetivo, conforme o deputado, é possibilitar à população o contato com o médico de sua casa ou ambiente de trabalho para consulta, receita de medicamentos e encaminhamento para outros profissionais.

ENFRENTAMENTO À PANDEMIA

Durante a entrevista ao jornalista Renato Abreu, o presidente da Casa enfatizou o papel da Assembleia Legislativa no combate à pandemia da Covid-19, destacando a sua participação, pela primeira vez neste ano, na reunião do Comitê Estadual de Enfrentamento à Pandemia, na última terça-feira (02/02). Evandro Leitão ressaltou ainda a mobilização do Governo do Estado para garantir a compra de vacinas para toda a população cearense.

O deputado também reiterou a aprovação, no último ano, de medidas importantes para auxiliar a população do Estado durante a crise sanitária e econômica do país, como o Auxílio-Catador, cartão-alimentação para estudantes da rede pública estadual, o cartão Mais Infância e o pagamento das contas de água e luz – além do vale-gás – para famílias de baixa renda no momento mais crítico da pandemia.

Evandro Leitão observou ainda que as medidas anunciadas na última terça-feira (02/02) pelo Governo do Estado são necessárias, visto o aumento dos casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus e da busca por atendimento nas unidades de saúde. Ele voltou a lembrar que todos os protocolos de segurança serão mantidos no funcionamento da Casa: as sessões híbridas – com participação presencial e remota dos deputados – continuam a ser realizadas apenas nas quintas-feiras, e as reuniões de comissões permanecerão de forma virtual.

CONCURSO PÚBLICO

O deputado também comentou sobre o concurso público para preenchimento de 100 vagas nas mais diversas áreas profissionais. A expectativa é que o concurso seja realizado no início do segundo semestre, após vacinação de parcela significativa da população cearense. “Essas 100 vagas certamente serão preenchidas por pessoas altamente qualificadas, que só vêm a fortalecer o Parlamento com a capacidade e inteligência que essas pessoas têm”, frisou.

POPULAÇÃO E LEGISLATIVO

O parlamentar enfatizou que pretende promover fóruns de debate, com a presença de estudiosos, buscando aproximar ainda mais a população do Poder Legislativo. “Temos pautas extremamente importantes – como feminicídio, violência infantil, territórios indígenas, renda mínima – que podemos discutir e fazer reflexões, chamando especialistas que possam abrir a discussão e fazer com que a gente reflita mais um pouco”, argumentou.

Evandro apontou que a AL já possui muitos equipamentos que auxiliam a população cearense, como o Procon Assembleia, Casa do Cidadão, Escritório Frei Tito, Procuradoria da Mulher, além dos veículos de comunicação da Casa. “Queremos fazer com que as mídias sociais possam estar não só alimentando, mas se retroalimentando das informações e dos feedbacks que a população possa nos dar”, acrescentou.

O presidente da Casa disse que o Parlamento estará atento às demandas da sociedade. “Somos representantes dos nove milhões de cearenses, temos que respeitar a população do Estado do Ceará. Temos que ser cobrados, pois temos uma condição, nós, seres humanos, de nos acomodarmos, por isso a cobrança é benéfica. Nós aqui, da Assembleia Legislativa, estaremos sempre atentos a tudo isso, de portas abertas, para transformar os anseios da população em algo concreto, que vai impactar a vida de vocês”, concluiu.

GS/BD/CG