Pós-pandemia: as mudanças de comportamento da sociedade

Historicamente, as emergências de saúde ocasionam mudanças na sociedade, sejam elas individuais ou coletivas. A Gripe Espanhola, de 1918, por exemplo, fez com o que o Brasil desse início ao processo de centralização da agenda de saúde pública.

Com a pandemia da Covid-19, as pessoas criaram novos hábitos. O governo adotou ações rígidas e implantou o isolamento social. O comércio foi fechado e as pessoas tiveram que trabalhar home office. O uso de máscaras se tornou obrigatório e medidas de higienização foram implantadas. A utilização do álcool em gel também já faz parte da nova rotina da população. Para aqueles que perderam entes queridos, a pandemia vai deixar cicatrizes difíceis de curar.

A revisão de valores provocada pela crise sanitária fez com houvesse uma maior cobrança da sociedade para que as empresas sejam mais responsáveis do ponto de vista social. A solidariedade e empatia também são valores que foram fortalecidos. A pandemia ainda gerou questionamentos sobre o modelo de sociedade baseado no consumo e lucro a qualquer custo.

As transformações são muitas e passam pela política, economia, modelos de negócios, relações sociais, cultura, psicologia social, entre outras. Para entender um pouco sobre esse cenário, nós conversamos com o psicólogo Fábio Paz, que apontou as principais mudanças comportamentais da sociedade na pós pandemia.

EBC

Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by