Pacatuba 2: Em meio a calamidade administrativa surgem possibilidades.

A insatisfação de quem reside em Pacatuba é quase que unânime, livrando apenas quem vive da máquina pública, ou ainda, quem alimenta alguma admiração “insana” pelo gestor que dirige a agonizante máquina pública daquele município.

Não precisa adentrar muito na cidade para perceber a desordem e o descaso do administrador, que, diga-se de passagem, aterrissou de para quedas já que não tem nenhuma ligação com o município.

Os fornecedores estão de cabelo em pé, pois não recebem os valores pela prestação de serviços ou pela distribuição de diversos produtos, ou seja, ninguém quer vender para Pacatuba o que torna deficiente os já precários serviços públicos.

Dentro do olho deste caótico e devastador furacão, surge alguns nomes interessantes que apresentam características inovadoras e corajosas já que coragem é um fator predominante para quem almeja assumir as rédeas desta cidade.

Um desses nomes agrega dois fatores fundamentais: experiência e olhar crítico construtivo, não só bater por bater, trata-se da ex-primeira dama Selma Cardoso que vem ao longo dos anos implantando inúmeras ideias  para cidade. Selma foi vereadora por seis mandatos três vezes Primeira dama duas vezes secretaria de ação Social duas vezes Presidente da Câmara.

Dona Selma, como é carinhosamente chamada, está filiada ao PSD e apresenta-se como pré-candidata a prefeita de Pacatuba e caracteriza-se como impulsionadora de iniciativas viáveis.

Redação

Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by