Moro pede demissão e governo Bolsonaro se desmonta

O ministro da Justiça e Segurança Pública,  Sérgio Moro em coletiva nesta sexta-feira, 24, pede demissão do cargo.

Moro argumentou que sua saída foi por conta de não  ter mais o controle da pasta. Ele elogiou o trabalho da Polícia Federal em sua gestão.

” Eu nunca indo subordinado,  o único foi o diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo. Eu tenho nenhum objeção em relação a troca, porém existia um compromisso com o presidente da República de autonomia desse cargo. Eu só pedi uma razão dessa troca”, relatou Moro.

O ministro disse na entrevista que ao indagar ao presidente sobre as mudanças, ele afirmou que seria por questões política.

Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by