Homem preso por estuprar sobrinha no ES possui histórico de crimes

O homem preso na madrugada desta terça-feira (18), em Betim (MG), sob acusação de ter estuprado e engravidado a sobrinha de 10 anos já possuía histórico de crimes antes do caso de abuso sexual contra a menor de idade.

Segundo informou a Polícia Civil em coletiva de imprensa nesta terça, ele foi preso por associação ao tráfico de entorpecentes e posse ilegal de arma de fogo. Em 2014, foi posto em liberdade para uma ‘saidinha’ e não retornou ao presídio, mas no ano seguinte a polícia o recapturou. No entanto, em 2018 foi solto novamente após concessão de um alvará.

Agora, responderá pelo crime de estupro de vulnerável, cuja pena vai de 8 a 15 anos. Com qualificadores, como o fato de ser tio da criança, seu tempo de reclusão poderá ser ainda maior.

Ainda de acordo com a polícia, a garota passa por um contexto de dificuldade social: com a mãe já falecida e o pai preso, ela é criada pelos avós, que são ambulantes em uma praia de uma cidade de interior no Espírito Santo. Os delegados responsáveis informaram que o estado capixaba está desenvolvendo uma equipe disciplinar que vai acompanhar e cuidar da criança.

Tio da garota já havia sido preso em 2014

R7

Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by