Governo Federal prepara repatriação de 1.505 brasileiros

A

partir desta sexta-feira (20), o Brasil deve repatriar 1.505 turistas brasileiros retidos em Portugal e no Peru. As ações, coordenadas pelo Ministério do Turismo (MTur), em conjunto com o Ministério das Relações Exteriores e também com as empresas aéreas Latam, Azul e TAP, fazem parte da repatriação de brasileiros que estão em outros países durante a pandemia de coronavírus (Covid-19).

“Estamos diuturnamente trabalhando para encontrar soluções para auxiliar centenas de brasileiros que estão fora do país e precisam retornar para junto de suas famílias nesse momento difícil por qual passamos. Tenho certeza que essa será a primeira de uma série de ações bem sucedidas nesse sentido e que logo passaremos por esse período de tormenta”, comentou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, sobre os 622 turistas brasileiros que estão retidos em Lima e em Cuzco, no Peru. Eles retornarão ao Brasil nesta sexta-feira (20).

Ao todo serão quatro voos da Latam que estão agendados para sair do Brasil. Eles levarão também os 704 peruanos que estão presos no Brasil. A cidade com maior número de peruanos é São Paulo (299), seguido de Rio de Janeiro (249), Foz do Iguaçu (38), Porto Alegre (5), Brasília (3), Goiânia (02), Belém (3), Manaus (3), Belo Horizonte (8), Florianópolis (14), Salvador (8), Curitiba (8), Fortaleza (1), Espírito Santo (2), Natal (06), Minas Gerais (03), Petrolina (06), Buenos Aires com escala no Brasil (15) e outros (31).

Em Portugal
Números preliminares apontam que 883 turistas brasileiros retidos em Portugal deverão retornar ao Brasil até o próximo domingo. “Neste momento de incertezas, nosso compromisso é em trazer de volta ao nosso país os milhares de brasileiros que estão em outros países, muitos a turismo, e que nesse momento precisam do apoio do governo federal. Tenho convicção de que seremos bem-sucedidos nesta valorosa missão”, afirmou o ministro.Com informações do Ministério do Turismo e da Voz do BrasilVOLTAR AO TOPO

Fonte: Governo do Brasil

Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by