Doutora Silvana contesta decreto governamental sobre diversidade de gênero

A deputada estadual Dra. Silvana (PL) cobrou ontem (4), no plenário da Assembleia Legislativa (AL), que o governador Camilo Santana reveja o decreto do Poder Executivo relativo à Coordenadoria de Diversidade e Inclusão Educacional. Segundo a parlamentar, o decreto 33.376, de 2 de dezembro de 2019, insere a questão da ideologia de gênero no currículo escolar, desrespeitando o que foi estabelecido pelo Plano Estadual de Educação, que exclui o tema.


“Nós fomos vitoriosos na votação do Plano de Educação nesta Casa, quando retiramos dele toda e qualquer menção à ideologia de gênero. E em nível federal essa questão também foi pacificada, com o ministro da Educação, Abraham Weintraub”, salientou.


De acordo com Dra. Silvana, deve ter havido algum equívoco na assinatura do documento pelo governador Camilo. “Talvez ele não tenha condições de ler detalhadamente cada papel que assina, pois esse decreto é confuso, confrontando e ameaçando a paz dos cristãos, e não vamos aceitar”, avaliou.“Nós não podemos permitir isso, pois vai inquietar toda a sociedade. Nós não fazemos guerra com ninguém, e queremos que todas as pessoas sejam respeitadas independente de suas opções sexuais”, ressaltou, ainda.


A parlamentar comunicou que pretende entrar em contato com o secretário-chefe da Casa Civil do Estado, Élcio Batista, para explicações sobre o que aconteceu.

oe

No Responses

  1. Pingback: Jelle Hoffenaar 03/06/2020
  2. Pingback: CBD Gummies 23/08/2020
  3. Pingback: huong dan dang ky 12bet 03/09/2020
  4. Pingback: kalpa pharma products 03/09/2020
  5. Pingback: Pick and mix sweets 04/09/2020
  6. Pingback: 먹튀검증 11/09/2020
  7. Pingback: 사설토토 11/09/2020
  8. Pingback: Coolsculpting 11/09/2020
Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by