CIDADE PARCEIRA: CÂMARAS DEVEM PROPOR DEBATE SOBRE PARCERIAS EM PERÍODO DE PANDEMIA.

O programa Ação Cidade Parceira, para desenvolver ações em parceria entre poder público e provado, de apoio e atendimento às pessoas e famílias atingidas pela pandemia do Coronavírus.

Objetivos do programa

A Ação Cidade Parceira, de união entre o Poder Público, o setor privado e o terceiro setor, foi criada com o objetivo de organizar e direcionar a distribuição de materiais de primeira necessidade às pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social na localidade.

Desse modo, a ação visa otimizar a distribuição dos produtos para garantir o atendimento ao maior número de pessoas que estejam necessitadas do auxílio.

Coordenadoria da ação

A Ação Cidade Parceira será coordenada pelas Secretarias de Assistência Social sua duração se limita ao período de vigência da Situação de Emergência em Saúde Pública causado pelo Coronavírus.

Das ações:

  • fomentar iniciativas de cooperação entre o poder público local, o setor privado e as organizações da sociedade civil;
  • gerir o cadastramento e o banco de dados que contenham as informações das pessoas físicas, do setor privado e das organizações;
  • gerir o cadastro das pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social do município;
  • promover a integração do banco de dados com o Cadastro Único para complementar as informações dos beneficiários;
  • inserir dados das famílias e pessoas beneficiárias no cadastro dos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS para continuidade do acompanhamento psicossocial;
  • elaborar relatórios de atividades e de execução das ações e divulgar os resultados, de forma institucional e em estrita observância aos princípios da publicidade e da impessoalidade.

Fábio Tajra/Leis Municipais

Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by