“Camilo tem o Estado sob controle”, diz Rodrigo Maia

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), declarou que o governador Camilo Santana (PT) tem agido corretamente nas políticas de segurança pública, enfatizando que ele “tem o estado [do Ceará] sob controle”. A declaração foi feita em visita a Fortaleza, na noite de ontem (14), em coletiva de imprensa.

Perguntado se pensava que seria necessário uma intervenção federal para conter a crise da segurança pública no Ceará, ele foi enfático ao responder que “de jeito nenhum”. “É diferente do Rio de Janeiro, onde o governador Pezão, na época, perdeu o controle do Estado do Rio. Uma coisa é estar enfrentando o crime organizado e o crime estar tentando fazer com que o governo recue, isso é o que está acontecendo aqui, aqui o governo está avançando e tendo essa reação. Tenho certeza que, em um prazo curto, o governo mostrará que sua política está correta, é a minha impressão do governador Camilo”, explicou o presidente.

Ele falou, no entanto, sobre a necessidade de o Governo Federal passar a ter maior presença nas políticas de segurança pública no Brasil. “O crime organizado, o que basicamente vem da droga e de armas, são crimes federais. Não é que se precise de intervenção, o que precisa é o que de alguma forma o governo anterior fez, e agora foi desfeito, a existência do Ministério da Segurança Pública”, disse, referindo-se a fusão da pasta com o Ministério da Justiça, hoje comandado por Sérgio Moro.

Ele adiantou, no entanto, que a declaração não deve ser vista como uma cobrança à gestão de Jair Bolsonaro. “O governo está começando, claro, ninguém está cobrando nada do atual governo, mas que se avance no sistema integrado de segurança, para que cada um assuma sua responsabilidade. O que não pode é que estados e municípios supram as responsabilidades que não são suas”, esclarece.

Articulação
A visita de Rodrigo Maia à capital cearense tratou, entre outros assuntos, da disputa pela presidência da Câmara dos Deputados, em que ele tenta a reeleição. Tendo almoçado com parlamentares, fortalecendo sua base para o pleito, ele se encontrou também com Camilo e com o senador eleito Cid Gomes (PDT), que começa a atuar no Congresso Nacional a partir do mês que vem.
No mesmo dia, Maia afirmou que o cargo de presidente da Câmara não é “de governo nem de oposição” e que por isso busca acordos com partidos de lados opostos no espectro político. “Quanto mais representativo o comando da Casa, mais independente e altivo o Legislativo”, escreveu ele nas redes sociais.
O presidente, que tenta chegar ao terceiro mandato consecutivo – o primeiro foi tampão, depois da renúncia de Eduardo Cunha (MDB-RJ) –, firmou acordos com o PSL de Jair Bolsonaro e com o PDT de Ciro Gomes, no início deste ano.
“É por isso que tenho conversado e firmado compromissos tanto com partidos e parlamentares ligados ao governo quanto com aqueles que representam legitimamente a oposição”, disse ele.

OE

No Responses

  1. Pingback: 안전바카라 19/06/2020
  2. Pingback: replica jacques piccard rolex 18/07/2020
  3. Pingback: pedigree english bulldog for sale 01/08/2020
  4. Pingback: click here 14/09/2020
  5. Pingback: UNICC SHOP 18/09/2020
  6. Pingback: bitcoin signal robot 30/09/2020
  7. Pingback: S&W 14/10/2020
  8. Pingback: USed pinball machines for sale 14/10/2020
  9. Pingback: Matt Erausquin CLA Legal 26/11/2020
  10. Pingback: Digital transformation strategy 27/11/2020
  11. Pingback: Buy Tramadol 100MG Overnight 10/12/2020
  12. Pingback: 토토커넥트 28/12/2020
  13. Pingback: CI CD 15/01/2021
  14. Pingback: human hair wigs 16/01/2021
  15. Pingback: a fantastic read 09/02/2021
  16. Pingback: Order sig sauer firearms online 25/02/2021
Participe, envie sua notícia direto para o nosso Whatsapp.
Powered by